Portfolio audiovisual

Aqui estão os vídeos das minhas aventuras no meio da dança, tanto as minhas experimentações como solista, quanto minhas participações em coreografias em grupo. Todos estão publicados no meu canal do YouTube. 😉 As descrições abaixo de cada vídeo são as mesmas informações inseridas no canal.

Observação: eventualmente algum vídeo não será postado lá, por razões diversas. Nestes casos, postarei aqui links alternativos. 😉

sosimby

Minha participação no 1º Hafla Tribal Archive, que ocorreu dia 15 de abril de 2017 em São Paulo/SP! 😀

O evento foi organizado pela equipe do blog Tribal Archive – moá, Melissa Souza e Ludmila Fornes, idealizado pela Melissa, criadora do TA.

O evento aconteceu no Boutique Vintage Brechó e Bar, e contou com um workshop ministrado por Anath, e uma Mostra de Danças que contou com as mais diversas participações e estilos da Dança Tribal!

Neste meu solo – que fiz completamente de improviso, pra variar (hehehe), dancei uma música que me encantava há muito tempo!
Foi uma experiência maravilhosa.

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra
Coreógrafa/Choreographer: ——–
Música/Music: “To you Kasiunia”, Warsaw Village Band
Estilo/Style: Tribal Fusion – Improviso livre
Figurino/Costume: calça por Anath Nagendra; cinturão Khalidah; top e xale de atelier desconhecido.
Evento/Event: 1º Hafla Tribal Archive
Filmagem/Filmmaker: Melissa Souza
Local/Location: Boutique Vintage Brechó e Bar, São Paulo/SP

sosimby

Meu solo de Tribal Fusion para o Espetáculo de danças árabes feito em parceria das escolas Estúdio Hannyah e Escola Arabesque. Improvisei totalmente (again hehehe) em estilo livre, mas desta vez com uma vibe mais puxada para o ATS*.

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra
Coreógrafa/Choreographer: Anath Nagendra (improviso/improvised)
Música/Music: “Bounce”, Solace
Estilo/Style: Tribal Fusion – estilo livre/free style
Figurino/Costume: calça gênio por Anath; cinturão Khalidah; blusa cropped by RoseSkull Corsets.
Evento/Event: Espetáculo de DV das escolas Arabesque e Estúdio Hannyah, 2016
Filmagem/Filmmaker: Marcos Strapazon
Local/Location: Teatro do Centro Histórico Cultural da Santa Casa, Porto Alegre/RS, Brasil

sosimby

Meu solo para a Mostra Artística Templo do Oriente, de Brysa Mahaila. Improviso total de Tribal Fusion, sem um foco específico, “estilo livre”. Porém, se tivesse que classificar de alguma forma, esta performance em específico eu definiria como “meditativa”, pois a calmaria e suavidade da música “Das Tor” do Faun é ótima pra nos deixar fluir nos movimentos e sentimentos.

Como foi um total improviso, sempre vejo alguns defeitinhos aqui e ali, porém esta foi umas das danças que mais gostei de vivenciar.

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra
Coreógrafa/Choreographer: Anath Nagendra (improviso/improvised)
Música/Music: “Das Tor”, Faun (editada/edited)
Estilo/Style: Tribal Fusion – estilo livre/free style
Figurino/Costume: choli, cinturão e saia terracota Khalidah; saia preta GypsyCraft; colar de ventre Atelier Tribal Skin.
Evento/Event: Mostra Artística Templo do Oriente, 2016
Filmagem/Filmmaker: Viva A Dança – Leonardo Ferreira
Local/Location: Teatro do Centro Cultural CEEE Erico Veríssimo, Porto Alegre/RS, Brasil

sosimby

Coreografia de Dança do Ventre clássica, com véu simples, apresentada pelo Grupo Templo do Oriente, dirigido por Brysa Mahaila, na Mostra de Danças Árabes da mesma em 2016. Os véus são acessórios de grande impacto estético na dança do ventre, sendo necessário um certo treino em suas técnicas para evitar problemas durante a dança.

E mesmo depois de muitos e muitos ensaios e apresentações, justo na que foi filmada eu perco momentaneamente o véu de uma das mãos. Maldito karma hehehehe

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra, Aline Mesquita, Vanessa Moreira, Vic Fonseca e Bruna Goulart
Coreógrafa/Choreographer: Brysa Mahaila
Música/Music: “Egypt”, Horus Arab Music (editada/edited)
Estilo/Style: DV clássica com véu simples (Traditional bellydance, with simple veil)
Figurino/Costume: Atelier Cristtiano Ferreira; Véus Layla Lu.
Evento/Event: Mostra Artística Templo do Oriente, 2016
Filmagem/Filmmaker: Viva A Dança – Leonardo Ferreira
Local/Location: Teatro do Centro Cultural CEEE Erico Veríssimo, Porto Alegre/RS, Brasil

sosimby

Pequena contribuição dancística para o Halloween! Me diverti muito criando e dançando a música tema do filme “Nightmare before Christmas”! \o/

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra
Coreógrafa/Choreographer: Anath Nagendra
Música/Music: “This is Halloween”, Trilha do filme Nightmare Before Christmas.
Estilo/Style: Tribal Fusion – estilo Interpretativo
Figurino/Costume: roupas comuns
Evento/Event: comemoração simbólica ao Halloween
Filmagem/Filmmaker: amadora
Local/Location: estúdio pessoal

sosimby

Este foi o meu solo em semi-improviso no espetáculo Occultum Spectaculum, do II Underworld Fusion Fest, evento voltado para as fusões mais underground da dança, que ocorreu em agosto de 2016, em Curitiba.

Foi um solo muito especial, pois, apesar da técnica um tanto quanto “travada” devido ao nervosismo, tive quase uma incorporação com a música, e me voltei maciçamente à expressá-la. Cheguei a me arrepiar!

Aqui o release, que é falado no começo do vídeo:
“A bailarina Anath Nagendra nos traz a performance “Karma Katarse”, uma intervenção de cunho ritualístico. Projeta-se na dança um simbolismo híbrido, trazendo elementos estéticos e bases teóricas referentes ao Antigo Egito, psicologia junguiana, filosofias orientais e associações pessoais, de modo a proporcionar à bailarina uma experiência catártica em seu Caminho Espiritual. Inspirando-se nas múmias, Anath se vê em um corpo embalsamado e inconsciente, despertando aos poucos e deparando-se com as amarras kármicas que a imobilizam. Libertando-se destes obstáculos, ela caminha livre e desperta, em busca da Libertação.”

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra
Coreógrafa/Choreographer: Anath Nagendra (semi-improviso/partially improvised)
Música/Music: “Karma” + “Monopoly on truth”, Epica (editada/edited)
Estilo/Style: Tribal Fusion – estilo Dark Fusion
Figurino/Costume: calça por confecção amadora; top, cinturão e cinto de tiras por Anath.
Evento/Event: II Underworld Fusion Fest, 2016
Filmagem/Filmmaker: Max Olsen
Local/Location: Curitiba, Paraná

sosimby

Semi-improviso em grupo com bailarinas do Selo de Qualidade Templo do Oriente, de Brysa Mahaila, apresentado no Show de Retrospectiva de 20 anos de carreira da mesma.

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra, Aline Mesquita, Luana Limana, Arthemis Suhaila, Fernanda Paier, Carla Wask, Carolina González, Júlia Fachinelli, Roberta Valiente.
Coreógrafa/Choreographer: Brysa Mahaila, com colaborações em improviso das bailarinas
Música/Music: “Layalina”, Mohamed Ali
Estilo/Style: Dança do Ventre Clássica (Traditional bellydance)
Figurino/Costume: diversos. Anath veste confecção própria.
Evento/Event: Show de Retrospectiva de 20 anos de carreira de Brysa Mahaila, 2016
Filmagem/Filmmaker: Leonardo Ferreira (Viva a Dança)
Local/Location: Teatro do Centro Histórico-Cultural Santa Casa, Porto Alegre

sosimby

(Link aqui para minha Página no Facebook, pois no YouTube o áudio foi retirado)

Abertura do Show de Retrospectiva dos 20 anos de Carreira de Brysa Mahaila!

A Mostra revisitou diversas coreografias marcantes da carreira da Mestra, em releituras feitas por alunas e escolas convidadas que fizeram parte de sua história.

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra, Aline Mesquita, Arthemis Suhaila, Vanessa Moreira, Vic Fonseca e Jade Keiber.
Coreógrafa/Choreographer: releitura de coreografia antiga de Brysa Mahaila
Música/Music: “I will survive”, versão árabe de Haifa Wehbe (editada/edited)
Estilo/Style: Dança do Ventre Moderna – Modern Bellydance
Figurino/Costume: top e cinturão Atelier Cristtiano Ferreira; calças confecção amadora.
Evento/Event: Show de Retrospectiva dos 20anos de carreira de Brysa Mahaila, 2016
Filmagem/Filmmaker: Leonardo Ferreira (Viva a Dança)
Local/Location: Teatro do Centro Histórico-Cultural Santa Casa, Porto Alegre

sosimby

Solo de Tribal Fusion que apresentei na 1ª Mostra de Danças da Hannyah Estúdio. Pra variar um pouco, hehe, um semi-improviso. Isto é, parcialmente coreografada, parcialmente improvisada. E de nervosa, esqueci de pontuar o primeiro acento da música…. snif

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra
Coreógrafa/Choreographer: Anath Nagendra (semi-improviso/partially improvised)
Música/Music: “Teltar apredum”, Pentaphobe (editada/edited)
Estilo/Style: Tribal Fusion – estilo livre/free style
Figurino/Costume: top e calça Atelier Joline Andrade (top bordado por Anath); cinturão Khalidah; cinto de franjas por Anath.
Evento/Event: 1ª Mostra de Danças Hannyah Estúdio, 2016
Filmagem/Filmmaker: Marcos Strapazon
Local/Location: Studio de Dança Paulo Pinheiro, Porto Alegre

sosimby

Meu solo de Dança do Ventre no evento da bailarina Hannyah, em 2016. Foi um solo em semi-improviso, ou seja, parcialmente coreografado, parcialmente improvisado. Com uma música que me é muito linda, acabei por dançar ao estilo taqsim, mais introspectiva, voltada a sentir as emoções afloradas.

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra
Coreógrafa/Choreographer: Anath Nagendra (semi-improviso/partially improvised)
Música/Music: “Amar Andaluz”, Mokthar Al Said & El Ferka Mesaya
Estilo/Style: Dança do Ventre clássica – taqsim
Figurino/Costume: Atelier Zania Amaral (bordado por Anath)
Evento/Event: 1ª Mostra de Danças Hannyah Estúdio, 2016
Filmagem/Filmmaker: Marcos Strapazon
Local/Location: Studio de Danças Paulo Pinheiro, Porto Alegre

sosimby

Esta foi a apresentação resultante do Curso de Formação em Tribal Fusion, ministrado por Joline Andrade, em São Paulo.

O grupo em que participei escolheu a temática indiana pra fusionar.
Foi uma grande adrenalina, pois cada integrante era de um estado/cidade diferentes, o que dificultou bastante nossos ensaios. No fim, nós ensaiamos juntas pela primeira vez no dia da apresentação! Mas, apesar do nervosismo, foi uma delícia dançar com elas. ^^

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra (Ana Bueno), Silvana Fernandez, Ana Mota, Cinthia Pimenta e Nivea Oliveira.
Coreógrafa/Choreographer: trabalho colaborativo entre as bailarinas.
Música/Music: “Mandara”, VAS (parte final) + “Bombay Nightmare”, Black Friday (editadas/edited)
Estilo/Style: Tribal Fusion – estilo fusão indiana
Figurino/Costume: calças gênio por Anath, restante diverso.
Evento/Event: Festa de Encerramento do Curso de Formação em Tribal Fusion, 2015
Filmagem/Filmmaker: Daniel Lisboa
Local/Location: Shangrila House, São Paulo

sosimby

Um dos meus primeiros solos em Tribal Fusion, ainda no processo de aprendizado do estilo. 🙂

Me apresentei na minha Formatura do Curso de Formação em Yoga Clássico, pela ABYOGA, junto de minhas queridas colegas. Assim, busquei criar um solo voltado à temática indiana e do yoga. Foi um “semi-improviso”, isto é, algumas partes da dança eu consegui coreografar, enquanto que outras partes foram dançadas de improviso mesmo. Isso sem falar no nervosismo…. hehehe

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra (Ana Bueno)
Coreógrafa/Choreographer: Anath Nagendra (semi-improviso/partially improvised)
Música/Music: “Mandara”, VAS
Estilo/Style: Tribal Fusion – Fusão Indiana
Figurino/Costume: calça gênio por Anath; blusa cropped Rose Skull Corsets; cinturão Khalidah
Evento/Event: Cerimônia de Formatura em Yoga Clássico, 2015
Filmagem/Filmmaker: acervo pessoal
Local/Location: ABYOGA, Porto Alegre

sosimby

Um dos meus primeiros solos de Tribal Fusion. Feito totalmente de improviso, e ainda estava aprendendo a “sentir” esse estilo.

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra (Ana Bueno)
Coreógrafa/Choreographer: Anath Nagendra (improviso/improvised)
Música/Music: “Jaguar”, Mexicans with Guns
Estilo/Style: Tribal Fusion – estilo livre/free style
Figurino/Costume: top e calça Atelier Joline Andrade; cinturão Khalidah
Evento/Event: VI Encontro de Danças Ruschel, 2015
Filmagem/Filmmaker: filmagem amadora
Local/Location: Auditório Colégio São Luís, São Leopoldo

sosimby

Neste solo clássico me desafiei – novamente – a dançar uma versão da famosa música árabe “Enta Omri”, considerada um “tarab” no meio.

O “tarab” na realidade não é um estilo de dança, e sim uma expressão que remete à uma entrega emocional muito forte. É como um êxtase emocional vivenciado pela bailarina, propiciado pela música, e que ela expressa da melhor maneira a seu público. Porém algumas músicas – como a Enta Omri – são tão poderosas emocionalmente que são consideradas um “tarab”.

Seria mais correto dizer que é uma dança “taqsim”. O taqsim refere-se a um determinado momento da dança clássica (que possui uma estrutura específica) que é mais introspectivo, emocional, em que a bailarina mergulha nas próprias emoções. Aqui a música inteira é como um longo trecho de taqsim, pois seu efeito na dançarina envolve todas essas características.

Assim, procurei mergulhar na beleza da música e dos sentimentos que ela gera em mim, expressando-os da melhor maneira que pude. E totalmente de improviso, pois coreografar músicas assim quebram um pouco de seu encanto. O “novamente” é porque eu dancei esta música, também de improviso, na avaliação do Curso de Formação em Dança do Ventre que fiz, com minha mestra Brysa Mahaila, em 2014. Porém, meus movimentos (mãos, principalmente) ainda estavam muito aquém. Aqui, consegui desenvolver melhor vários aspectos da minha dança. Mas nada se compara à delícia que é dançar esta música!

Bailarina(s)/Dancer(s): Anath Nagendra
Coreógrafa/Choreographer: Anath Nagendra (improviso/improvised)
Música/Music: “Enta Omri”, Hossam Ramzy
Estilo/Style: Dança do Ventre clássica – taqsim/tarab
Figurino/Costume: top e cinturão Cristtiano Ferreira; saia indefinida.
Evento/Event: VI Encontro de Danças Ruschel, 2015
Filmagem/Filmmaker: filmagem amadora
Local/Location: Auditório Colégio São Luís, São Leopoldo

sosimby

Apresentação das alunas Selo de Qualidade Templo do Oriente de 2015, na Mostra Artística de Brysa Mahaila, 2015.

Bailarinas: Anath Nagendra (Ana Bueno), Aline Mesquita, Júlia Fachinelli e Carolina González.
Coreógrafa: colaboração entre as bailarinas, com supervisão de Brysa Mahaila.
Estilo: Dança do Ventre Moderna.
Evento: Mostra Artística Templo do Oriente
Porto Alegre, 2015

sosimby

Apresentação do Grupo Templo do Oriente, direção de Brysa Mahaila, na Mostra Artística da mesma, em 2015.

Bailarinas: Anath Nagendra (Ana Bueno), Aline Mesquita, Arthemis Suhaila, Vanessa Moreira, Vic Fonseca e Jade Keiber.
Coreógrafa: colaboração entre as bailarinas do grupo, com direção de Brysa Mahaila.
Estilo: Dança do Ventre Folclórica – Baladi com bengala
Evento: Mostra Artística Templo do Oriente
Porto Alegre, 2015

sosimby

Este meu solo foi muito marcante pra mim, pois ganhei a oportunidade por ter sido escolhida como Destaque no Curso de Formação Profissional. Essa escolha foi devido a eu ter sido uma das alunas que mais se desenvolveu ao longo do ano do curso, mas não necessariamente era a melhor, pois eu tinha colegas maravilhosas e com muito mais experiência que eu no ramo. 🙂

Escolhi uma música especial, porém resolvi me desafiar – pra variar – e dançar de improviso. Não saiu muito bem como eu esperava, até porque eu estava nervosíssima, e isso gerou uma agitação na dança que é nítida. Dançar de improviso é uma experiência maravilhosa e muito enriquecedora, pois te desafia, gera uma adrenalina louca e te exige uma boa expressividade, tudo muito diferente do que quando podemos coreografar bonitinho uma música. Mas é sempre bom ter um bom domínio do repertório e calma, né? hehehe

Bailarina: Anath Nagendra (Ana Bueno)
Coreógrafa: Anath Nagendra (improviso)
Estilo: Dança do Ventre Clássica, com véu simples
Evento: Mostra Artística Templo do Oriente
Porto Alegre, 2014

sosimby

Apresentação da turma de 2014 do Curso de Formação Profissional em Dança do Ventre, de Brysa Mahaila, na Mostra Artística dirigida pela mesma.

A dança ghawazee é uma dança folclórica bastante conhecida, e é referente às dançarinas de tribos nômades, tal como ciganas, que passaram por diversos países árabes, e que possivelmente se originaram na Índia.
É uma dança bastante divertida, com o objetivo de entreter o público, com muito movimentos de quadril, principalmente, bem soltos e com bastante gingado. Pode-se dançar também utilizando uma série de acessórios, tais como os usados na coreografia em questão: snujs, punhal e pandeiro.

Bailarinas: Ana Bueno (Anath Nagendra), Aline Mesquita, Vic Fonseca, Natali Berneira, Marina Fernandez e Saliha Nahid.
Coreógrafa: Esta coreografia é resultado do trabalho colaborativo entre as colegas, com supervisão de Brysa Mahaila.
Estilo: Dança do Ventre Folclórica – Ghawazee
Evento: Mostra Artística Templo do Oriente
Porto Alegre, 2014

sosimby

Minha terceira participação na Balada Árabe, no restaurante Boteco Oriente, de Brysa Mahaila. Desta vez dancei um solo de dança do ventre folclórica – um baladi, de improviso.

O baladi é uma das danças folclóricas egípcias mais conhecidas, pois concentra toda a essência emotiva e feminina típica da Dança do Ventre. Há um enfoque grande na leitura musical feita principalmente pelo quadril, e a expressividade geralmente é delicada e sem movimentos muitos intensos e amplos.

Bailarina: Anath Nagendra (Ana Bueno)
Coreógrafa: Anath Nagendra (improviso)
Estilo: Dança do Ventre Folclórica – Baladi
Evento: Balada Árabe Templo do Oriente
Porto Alegre, 2015

sosimby

Minha segunda participação em uma Balada Árabe, no restaurante Boteco Oriente, de Brysa Mahaila. Dancei um solo clássico de Dança do Ventre, totalmente de improviso!

Bailarina: Anath Nagendra (Ana Bueno)
Coreógrafa: Anath Nagendra (improviso)
Estilo: Dança do Ventre Clássica
Evento: Balada Árabe Templo do Oriente
Porto Alegre, 2014

sosimby

Primeira vez que dancei em um restaurante! Nervosíssima, afinal, é uma energia e ambiente bem diferentes de um palco. Mas, apesar da inexperiência, fiquei muito feliz com o resultado, consegui expressar bem o que a música me passava e me conectei com o público. 😀

A Balada Árabe era um evento frequente feito por Brysa Mahaila, em seu antigo restaurante, o Boteco Oriente, em Porto Alegre, cujo principal objetivo era oferecer às alunas mais inexperientes a oportunidade de vivenciar esse tipo de público.

Bailarina: Anath Nagendra (Ana Bueno)
Coreógrafa: Anath Nagendra
Estilo: Dança do Ventre Clássica
Evento: Balada Árabe Templo do Oriente
Porto Alegre, 2014sosimby

Anúncios